Blog da Cidha Cunha

sábado, 11 de janeiro de 2014

IMEI...como proceder se seu aparelho movel for roubado


Encontrei essa dica de muita utlilidade na internet e compartilho com todos.

  
IMEI é a sigla para International Mobile Equipment Identity, que em bom português significa “Identificação Internacional de Equipamento Móvel” – um número de identificação global e único para cada telefone celular -.

Todas as marcas têm códigos que podem ser digitados para realizar funções específicas de forma mais rápida.  O código IMEI  é um código que serve para identificar unicamente o seu aparelho celular. Dependendo da marca e da situação, o código IMEI pode ser chamado de “Número de série” ou “Número serial” ou mesmo “Serial number” do seu aparelho.

Como proceder:

1° Passo: Faça um Boletim de Ocorrência
Se o aparelho foi furtado ou você o perdeu, a primeira coisa a fazer (sempre) é ir até uma delegacia e solicitar um Boletim de Ocorrência – ele é obrigatório para o bloqueio do IMEI. Em alguns estados é possível solicitá-lo pela internet, sendo assim, procure o site da Polícia Civil para encontrar a Unidade Policial mais próxima.
Mesmo que a possibilidade de recuperação do aparelho seja pequena, sempre faça um BO, pois com ele em mãos é possível provar que o celular não estava com você se ele for usado em algo ilícito. Além disso, as autoridades podem saber exatamente o número de telefones roubados e tomar medidas para evitar mais furtos.
2° Passo: Converse com a operadora
Com o BO em mãos, entre em contato com sua operadora e solicite o bloqueio do IMEI e, se possível, do chip também. O atendente solicitará a cópia do BO por fax ou e-mail e assim que você enviar, o bloqueio será concluído.
Por dentro do código:



Há duas forma de identificação do IMEI: olhar na etiqueta colada no aparelho retirando-se a bateria, ou digitando no teclado com o aparelho ligado o código *#06# que o IMEI aparecerá imediatamente. Com a digitação deste código, não é necessário abrir ou desligar o celular para descobrí-lo. O número consiste de 4 grupos, que seguem o padrão: nnnnnn–nn-nnnnnn-n.

Essas identificações dos celulares conectados a uma rede GSM são armazenados em um banco de dados de Registro de Identidade de Equipamentos (EIR), contendo os números de todos os equipamentos móveis válidos no mundo. Ao ser reportada à operadora a perda do aparelho (passando o número do IMEI), automaticamente o aparelho será bloqueado, independente de qual SIM Card esteja inserido. E, sem ele, simplesmente haveria uma grande confusão.

OBS: Quando o aparelho é bloqueado pelo IMEI, fica apenas bloqueado no País; se for usado no exterior, funciona normalmente.


Como eu visualize o número do IMEI de meu telefone?
Para visualizar o número do IMEI, siga os passos abaixo:
1.     Na tela inicial, pressione a tecla Menu. Toque em Configurações.
2.     No final do menu, toque em Sobre o Telefone.
3.     Toque em Status.
4.     Mais embaixo, no Menu, estará o número do IMEI.

Usando o aplicativo de discar para ver o IMEI:
1.     Da tela inicial, toque no ícone verde de discagem no canto inferior esquerdo.
2.     Insira os seguintes símbolos e números: *#06#.
3.     O número que aparecerá é seu IMEI. 


Alguns aparelhos podem ter dois ou mais IMEI, de acordo com a quantidade de sim card. Ou seja, um aparelho Dual-Chip contem 2 códigos IMEI, Tri-Chip 3 códigos e assim sucessivamente.
 Quando é reportado um roubo de telefone e o IMEI do celular é informado à operadora, esse IMEI é marcado como inválido, e o celular não pode mais ser habilitado

 Se você sabe o IMEI do seu aparelho,basta  Anota-lo em um local seguro para que possa bloquear seu aparelho caso o mesmo seja roubado. Para nunca perder o seu número de IMEI. Se você for organizado, na nota fiscal também existe este número. Basta guardá-la para sempre!
fonte:   Charliton Carvalho
http://www.2cmultimidia.com/2013/09/imei-o-que-e-para-que-serve-e-como.html#ixzz2q73OR5Df



sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

Projeto “FAZENDO ARTES COM O LIXO”

Uma aula bem gostosa de fazer e as crianças com certeza participarão com mais animação..pois aprender brincando é fundamental!!!

ARTES COM O LIXO


O que o aluno poderá aprender com esta aula

Expressar sua opinião sobre o tema, utilizando argumentos convincentes.  
Apontar algumas causas, consequências e soluções para o problema: acúmulo de lixo.  
Identificar a reciclagem como a transformação do lixo em luxo.     

Duração das atividades

Cada atividade será desenvolvida em diferentes momentos com duração aproximada de 60 minutos.

Conhecimentos prévios trabalhados pelo professor com o aluno

Não há necessidade de conhecimentos prévios.

Estratégias e recursos da aula

Atividade 1

Espalhe pela sala de aula jornais e papéis amassados, embalagens, latas e garrafas vazias de refrigerantes e de produtos de limpeza.
Explore esses materiais e possibilite as crianças expressarem oralmente suas observações sobre o cenário construído. As crianças irão perceber que o cenário é constituído de materiais que se tornaram lixo.
Registre no blocão as hipóteses dos alunos sobre o que é lixo.
Prepare num cantinho da sala uma lata de lixo e deixe dentro dela o livro “O menino que quase morreu afogado no lixo” de Ruth Rocha.

Retire o livro da lata de lixo e convide a turma para ouvir a história.



Sinopse: Ronaldinho era um garoto comum, mas com uma característica muito forte: não gostava de arrumação, de limpeza, de jogar lixo fora... Um dia, os pais de Ronaldinho foram viajar e o menino ficou sozinho em casa. Como ele não gostava de arrumação, de limpeza, de jogar lixo fora, a sujeira foi acumulando, acumulando e... Você nem pode imaginar o que aconteceu...   
Após a contação, explore a história com as crianças:  
- Como era o menino da história?
- Você pensa como ele?
- Onde você joga o seu lixo?
- Você sabe o que acontece com o lixo da sua casa?
Promova um diálogo sobre a produção de lixo na casa de cada um dos alunos. É importante possibilitar a participação de todos neste momento.

Atividade 2
Divida a turma em grupos e apresente o texto:

O que é lixo?
Lixo é todo e qualquer resíduo proveniente das atividades humanas ou gerado pela natureza em aglomerações urbanas. É definido como aquilo que ninguém quer.
Porém, precisamos reciclar este conceito, deixando de enxergá-lo como uma coisa suja e inútil em sua totalidade. Grande parte dos materiais que vão para o lixo podem (e deveriam) ser reciclados.                       
A produção de lixo vem aumentando assustadoramente em todo o planeta. Visando uma melhoria da qualidade de vida atual e para que haja condições ambientais favoráveis à vida das futuras gerações, faz-se necessário o desenvolvimento de uma consciência ambientalista.

Faça um levantamento das novas informações obtidas sobre o que é lixo e confronte com as hipóteses anotadas no blocão da atividade 1.  
Depois, destaque a frase contida no texto sugerido:
A produção de lixo vem aumentando assustadoramente em todo o planeta” e apresente o vídeo:

Se Liga Nessa - Cascão X Enchente - Lugar de Lixo é no Lixo


É importante que a turma perceba que uma das causas das enchentes se refere ao destino incorreto do lixo: jogado nos bueiros e nas ruas.

Converse com a turma sobre os impactos causados pelo lixo no meio ambiente e o que podemos fazer para amenizar esse problema.
As crianças poderão observar que a partir de atitudes simples, como não jogar lixo nas ruas, podemos contribuir para evitar tragédias como as que observamos nos vídeos.

Atividade 3
Organize grupos de 4 ou 5 alunos e sugira um passeio pela escola para observar o tipo de lixo mais encontrado pelos alunos.
Entregue uma folha de papel, uma prancheta e um lápis para cada um.
Explique para a turma que o desafio é descobrir e registrar os tipos de lixo encontrados no interior da escola.
Depois do trabalho concluído, os grupos deverão fazer uma apresentação para a turma dos seus registros.
Faça um levantamento sobre os lixos encontrados pela escola e colete os que estavam no chão. Aproveite para conscientizar a turma sobre a importância de um ambiente limpo para a nossa saúde.
Depois, construa um gráfico com os dados da coleta do lixo encontrado.

Atividade 4
Proponha um desafio para a turma:
- Será que é possível separar os lixos encontrados em grupos?
Distribua caixas de papelão e separe com a turma esses materiais.
No Laboratório de Informática, apresente o site:

Após a visita ao site em Lixo e Reciclagem, as crianças perceberão que cada grupo de lixo tem uma classificação.

Coloque com a turma as etiquetas em cada caixa com a respectiva cor de sua classificação:

PAPEL (azul)     VIDRO (verde)     METAL (amarelo)     PLÁSTICO (vermelho)

Atividade 5
Apresente o recurso animação/simulação onde o aluno aprenderá brincando quanto tempo os materiais demoram a se decompor na natureza, por isso é importante que sejam destinados no lixo correto.
Link do Recurso no Site do Portal do Professor:


O lixo nosso de cada dia 

Inicie com a turma um diálogo sobre a importância de Reduzir, Reutilizar e Reciclar o lixo (3Rs).

Atividade 6  
Organize uma visita a uma empresa de reciclagem. O professor deverá pedir autorização aos pais para a aula de campo com as crianças. Providencie o transporte e agende a visita.
Antes de sair para a aula de campo, elabore um roteiro com as crianças:
- De que forma a população é informada sobre como selecionar o lixo?
- Como estes materiais são selecionados?
- Quem compra estes materiais?
- Que material é mais procurado/reciclado?
- O que é feito com o material que não é vendido/reciclado?
Converse com as crianças sobre as atitudes na visita e os objetivos da aula.
As crianças deverão levar uma folha de papel, prancheta e lápis para realizarem o registro das suas descobertas. O professor também deverá anotar curiosidades e descobertas significativas, podendo fotografar e filmar.
Após a visita, faça uma avaliação sobre o que observaram, como se sentiram, o que aprenderam e o que acharam interessante.
Faça o registro das descobertas em duplas e, depois, peça que apresentem para a turma.

Atividade 7
Retome os conhecimentos adquiridos na aula de campo com os alunos e proponha uma oficina de reciclagem de papel.
Faça um levantamento do material que vão precisar para a oficina:
- liquidificador
- papel picado
- esponja
- tela e moldura
- bacia
- balde com água
- tecido para costura - três do mesmo tamanho
- cabide e prendedores de roupa
O professor deverá organizar o local da atividade com antecedência, separando todo o material que vai ser utilizado.
Apresente o vídeo para explicar passo a passo o processo de reciclagem:
Como fazer papel reciclado
Utilize a folha de papel reciclado para fazer um folder com as informações descobertas sobre o lixo e suas possíveis soluções.

Atividade 8
O luxo do lixo!
Apresente o artista Vik Muniz utilizando fotos e textos para destacar as características das suas obras.




Divida a turma em grupos e proponha a criação de obras de arte utilizando o lixo coletado na atividade 3 e também trazidos pelos alunos. Deixe que as crianças realizem a atividade com criatividade e autonomia.
Depois, organize uma exposição com as obras de arte feitas pelas crianças. Convide as outras turmas para visitar a exposição e distribua neste momento o folder, feito na atividade 7, para explicar o significado da exposição e as descobertas e possíveis soluções encontradas sobre o lixo.  
Recursos Complementares
Livro: O menino que quase morreu afogado no lixo - Ruth Rocha - Editora Quinteto Editorial

Aula de exposição:
fazer uma feira apresentando trabalhos feitos com reciclagem"Aproveitando o lixo" com objetos construidos a partir do lixo. Brinquedos e utilidades para decoração.


Avaliação
O professor poderá avaliar os seus alunos em todos os momentos das atividades, priorizando a aprendizagem e observando possíveis dúvidas e dificuldades apresentadas por eles.
Avalie se as crianças selecionam e classificam as embalagens para a reciclagem, conhecem e produzem um destino para o lixo coletado, organizam um panfleto informativo (folder) com coesão e coerência, produzem papel reciclado, vivenciam uma aula de campo numa fábrica de reciclagem, constróem gráfico com o lixo coletado, confeccionam obras de arte utilizando lixo.
É importante perceber se os objetivos elencados foram alcançados pela turma e avaliar se necessita de mais atividades ou mesmo retornar algumas já realizadas para efetivar o desenvolvimento dos alunos na temática "lixo".  


segunda-feira, 6 de janeiro de 2014

Inicio das aulas...comece bem para terminar bem!!!

Inicio da aulas ...vamos fazer valer a pena!



Preste atenção nas aulas!

Não é nada animador Ir à escola quando se tem tantas outras coisas pra fazer , ainda mais pra aprender coisas que “provavelmente você não vai usar pra nada no futuro”. Mas é importante prestar atenção nas aulas - por mais chatas que sejam -, fazer os exercícios e tirar suas dúvidas para não chegar no dia do teste com aquela sensação de "vou tirar zero". 


Pergunte!


Levante a mão numa boa e pergunte,Pois muitas vezes,na maioria das vezes o professor explica e você não entende absolutamente nada.Então pergunte sim... Ninguém vai achar ridículo se você pedir pra ele explicar novamente, além de que o professor vai ver que você tem interesse em aprender, e nós  professores adoramos ver isso nos alunos!
Se você tiver muita vergonha, vale ficar na sala depois de tocar o sinal pra perguntar em particular, o que não vale é permanecer com duvida!
E se não deu tempo de perguntar? Anote sua duvida e pergunte na aula seguinte! 

Reserve um tempo pros estudos!


 “Matéria dada é matéria estudada” lembra desse ditado de professor?Então,ponha ele em prática! Escolha um horário em que você esteja mais disposto e menos sonolento e de uma lida na matéria estudada em aula, nem que seja meia horinha. Deixe o Computador e a  TV  pra depois! Se quiser, você pode ir aumentando esse tempo aos poucos até acostumar (10 minutinhos a mais por dia até atingir mais ou menos 1 hora de estudo). Você vai ver como funciona!

De um cochilo depois da refeição!


Quem não gosta de um cochilo depois do almoço,neh?e isso faz um bem!Além de  te deixar mais disposto pra estudar e as chances de você ficar viajando durante o estudo vão diminuir, pois seu cérebro vai estar mais descansado. Mas lembre-se que é um cochilo de trinta minutinhos, nada de dormir a tarde inteira hein?! Se você não gosta ou não consegue dormir à tarde, procure outra atividade que te deixe relaxado: escute música, leia um livro, escreva...


Não deixe tudo pra ultima hora!


 Tente se antecipar uns dois ou três dias pra estudar com mais tranquilidade, não deixe pra estudar na véspera da prova assim, se você ainda estiver com alguma duvida vai dar tempo de perguntar para o colega ou para o seu professor. Além de que ansiedade e desespero não ajudam em nada né? O conteúdo se acumula, ai gera aquela confusão, você não lembra mais o que é pra estudar, mistura coisas diferentes, ai já viu né... Melhor estudar com antecedência!


Trate melhor seus professores “menos preferidos”

 
Já pensou passar o ano  inteiro de bem com todos os seus professores? É, eu disse “todos”.
sempre tem aquele professor chato que não te deixa nem abrir a boca daí ,não  é fácil, , principalmente quando vem com ignorância e te manda calar a boca quando você estava quieto. Mas bater boca não vai adiantar nada, só vai ficar ruim pra você: pois vai parar na diretoria,isso quando não inventarem de chamar seus pais. Ou pior ainda, um professor pegando no seu pé até o fim do ano, já pensou?
Você pode não concordar com ele em algo, mas se for pra contrariar, que seja com educação e respeito. Tente tratar ele como você trata aquele professor que você adora, você pode se surpreender com o resultado!

Invente métodos para estudar antes das provas

- Comece dando uma lida no conteúdo, separe os tópicos mais importantes e com suas palavras, escreva uma explicação para cada um deles. Assim o conteúdo vai ficar mais resumido, e como vai estar escrito com suas palavras, você vai entender e fixar melhor.

- Também vale fazer musiquinhas com trechos da matéria que você quer decorar e sair cantando por ai. É garantido!

- Decore a posição de cada tópico na folha do resumo, ai quando estiver fazendo a prova, tente lembrar onde ficava a resposta da pergunta na folha. Funciona se você tem uma boa memória fotográfica.

- Estude em grupo. Combine um dia pra galera se reunir e estudar, assim um ajuda o outro na parte que entende, todo mundo sai ganhando!

- Refaça os exercícios dados em aula: Copie as perguntas para uma folha em branco e responda sem olhar as respostas, depois de responder todas, corrija as questões e de uma atenção especial à aquelas que você errou. Vale tentar decorar as respostas das questões, sempre cai alguma na prova!


Procure um lugar calmo pra estudar


 
Quando for estudar, procure lugares longe do barulho, da movimentação e principalmente longe de possíveis distrações. Tente procurar lugares diferentes pra estudar, embaixo de uma arvore por exemplo, imagina que delicia estudar com os sons da natureza?


Vamos fazer valer a pena !!!