Blog da Cidha Cunha

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Pluviômetro: simples de fazer e ecologicamente correto!

Instrumento, com que se mede a altura das enchentes fluviais.
Ele é simples, fácil de fazer e salva vidas! Sendo também ecologicamente correto!
Sendo utilizado por quem mora em áreas de risco, pode evitar tragédias ainda maiores em dias de chuva.
A quantidade de água por metro quadrado que pode provocar um deslizamento varia de acordo com o local. Em média a defesa civil considera estado de atenção acima de 50 milímetros e acima de 70 milímetros estado de alerta. Acima de 100 mm é considerado alerta máximo.
"Quando a água sobe, os voluntários entram em contato com a Defesa Civil que vai ao local fazer a vistoria."Graças ao alerta dos voluntários, os moradores evitam prejuízos e tragédias durante os temporais, sendo assim um trabalho preventivo.
Para os leigos ou mesmo aqueles que já adquiriram contato do pluviômetro com leitura direta,este processo pode parecer um pouco complicado,isso porque ele mede a chuva em milímetros,e como o espaço entre um tracinho e outro,ficaria muito pequeno se fossem marcados de um em um ,melhor será se mostrar os intervalos com 2,5milímetro cada.A pessoa que faz a leitura deve fazer o cálculo mais aproximado,para não distorcer as informações ou seja para evitar que a capitação do recipiente seja influenciada ou alterada por fatores não naturais,deve ser colocados em locais afastados de árvores telhados ou paredes e a boca do mesmo deve ficar 5 centímetros acima do nível da estaca de fixação.
Para entender melhor...
* Quando se informa que choveu 20mililitros (milésima parte do litro) em determinada região, isso significa dizer que lá o solo foi coberto com uma lâmina de 2centimetros,equivalente a 20 litros do liquido em cada metro quadrado do chão.Ao considerarmos essa mesma quantidade de chuva caída em um campo de futebol,cuja área aproximada é de10 mil metros quadrados, a constatação é a de que 200.000 litros de água foram despejados das nuvens naquele pedaço de terreno e o mesmo raciocínio extrapolado para um bairro do tamanho equivalente a 50 campos de futebol,durante um dia chuvoso,em que a precipitação atingiu 40 mililitros.Isso dará indicação que ali caíram,durante determinado tempo,cerca de 20 milhões de litro de chuvas,algo assim como se 20 mil caixas d’água de mil litros,cada uma tivesse sido derramada no local
Apesar desse aparelho medir a quantidade de chuva caída em determinado período de tempo, acompanhando sua dinâmica em cada região,ele não impede inundações ,nem deslizamentos.Porém por meio dele é possível orientar a realização dos trabalhos preventivos


Como fazer um Pluviômetro com garrafa PET:

>Pegue uma garrafa PET de 2 litros. (essas de refrigerante)

>Corte-a no sentido transversal a uma altura de 20 a 30 cm, formando um recipiente. Pronto! Já está criado o seu pluviômetro simples e eficiente.

Após a chuva despeje a água do pluviômetro num copo medida (ex:"mamadeira") para medir a quantidade de água de chuva caída, em "ml" (mililitros)

Depois é só dividir o "ml" achado, pela área da boca do pluviômetro, multiplicado por 1.000.(mil)

Assim você terá a quantidade de chuva caída, em mm (milímetros).

Não esqueça:Este processo, todavia, tem pouca precisão, podendo gerar erros de 1 ou 2 milímetros (1 ou 2 litros de erro, por metro quadrado; 1 milhão ou 2 milhões de litros de erro, por quilômetro quadrado!).
como calcular:

Primeiro, devemos determinar qual a área da 'boca' do pluviômetro. Vamos lembrar, da geometria, que a área do círculo em função do seu raio é dada por Acírculo . Dividindo-se o volume de água pela área da 'boca' do pluviômetro. Essa foi a precipitação da chuva.
área da boca do pluviômetro PET : PI x R2 ou (PI x D2) / 4 onde PI=3,14, R=raio D=diâmetro

Ex: Diâmetro do PET= 0,10 m ------ (3,14 x 0,01) / 4 = 0,00785 X 1000= 7,85

ou Raio do PET = 0.05 m -------- 3,14 x 0,0025 = 0,00785 x 1000 = 7,85

Quantidade de chuva: 120 ml --------- 120 / 7,85 = 15,28 mm


Procure colocar o seu PLUVIÔMETRO PET num local aberto, distante de árvores, casas, etc... de forma que possam atrapalhar a queda normal da chuva.

Evite deixar mais de um dia com a água da chuva evitando assim a perda por evaporação.

Cole o PLUVIÔMETRO PET numa base de madeira para evitar que o vento o derrube.

2 comentários:

  1. Bastante esclarecedor e útil. Devia ser mais divulgado por outras fontes. Só faltou a bibliografia consultada. Parabéns.MGCastro

    ResponderExcluir
  2. Realmente vc tem razão...está ai a fonte!!
    Obrigado por deixar essa observação! bjsss

    fonte:http://roberioprofciencias.blogspot.com/2009/04/pluviometro-pet-caseiro-e-eficiente.html

    ResponderExcluir